Enxerto de gordura nas mamas


      No dia 21 de dezembro de 2011 defendi minha tese de mestrado intitulada “Indicações e Segurança da Lipoenxertia Autóloga da Mama”, que se refere ao enxerto de gordura lipoaspirada nas mamas. Este assunto é bastante polêmico, pois devido aos altos índices de complicações registrados até os anos 80, juntamente com a dificuldade de diagnosticar lesões resultantes da lipoenxertia mamária que poderiam simular um câncer de mama naquela época, o procedimento ficou proibido até 2009.
Hoje, com o aperfeiçoamento das técnicas de enxerto de gordura e grande avanço na área de diagnóstico de câncer de mama, a lipoenxertia mamária passou a ser um procedimento reconhecido como de grande valor para o tratamento estético e reconstrutivo das mamas. Contudo, mais estudos nesta área estão sendo conduzidos para confirmar a sua segurança e a técnica deve ser realizada apenas por profissionais altamente qualificados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *